26 novembro 2010

FALSOS RECIBOS VERDES NO METRO DO PORTO


A ViaPorto, empresa subcontratada pela Metro do Porto, é responsável pela contratação dos agentes de estação, promovendo a precariedade nesta contratação. Segundo um testemunho que recebemos, há trabalhadores a com contrato de trabalho e outros que se encontram ilegalmente a recibos verdes. Vejamos


1- Local de trabalho: Metro do Porto

2- Horário: Estão obrigados a cumprir um horário diário de 8 horas e têm uma escala mensal.

3- Salário: Recebem mensalmente um valor fixo, sendo que o subsídio de alimentação incluído é muito inferior ao dos restantes Agentes de Estação ViaPorto.

4- Hierarquia: Dependem de duas chefias às quais estão obrigados a reportar e cumprir normas de procedimentos internos.

5- Direitos: Não há férias, subsídio de férias, de Natal, segurança social, desemprego, doença, nem seguro.

6- Farda: Tiveram de pagar a farda, que é igual à dos agentes com contrato de trabalho (fornecida gratuitamente).


O FERVE já encaminhou esta denúncia para a Autoridade para as Condições de Trabalho.

ACTUALIZAÇÃO (29/11/2010): O Bloco de Esquerda fez uma pergunta ao Ministério do Trabalho e da Segurança Social sobre este assunto. Aguardamos reacção por parte dos restantes partidos políticos.

7 comentários:

Anónimo disse...

É de lamentar que 75 funcionários contratados pela bex, estejam nestas condições precárias, desde o pagamento da farda, o facto de terem que cumprir horários, ter chefias bem como ganharem 600eur por mês, enquanto os da via porto auferem um valor de quase 900eur e com direitos etc...
só não consigo perceber o porque de se demorar tanto a resolver um caso como este,gravíssimo...sabendo eu que estão a existir ameaças e até já houveram alguns despedimentos para quem apenas quer ver os seus direitos reconhecidos.
O ministério responsável pelo trabalho deve actuar rapidamente, porque não me admira que futuramente as coisas comecem a ter outro rumo, sempre ouvi dizer que um/a homem/mulher injustiçado é capaz de tudo!!!cuide se TELMA, tem os dias contados na BOAVISTA EXPRESSOS!!!

ACIC disse...

A ACIC (Associação Comercial e Industrial de Coimbra), pese embora os milhoes de euros que recebeu do POPH, tem os salários em atraso dos seus colaboradores com falsos recibos verdes que trabalham no seu departamento de form. profissional e no seu Centro Novas Oportunidades (atrasos de mais de dois meses) e dívidas que sobem às centenas de milhares de euros a formadores (a alguns há dois anos!). O sr. Paulo Mendes foi eleito novamente presidente da direcção e continua a compactar com a situação. E não há ninguém que faça uma investigação séria a isto tudo para ver onde foram parar as massas da UE!

Anónimo disse...

Para sua informação, e segundo as últimas contas, a ACIC deve (dados desta instituição) cerca de 246 000 euros aos formadores. Creio que este valor não contabiliza os cursos mais recentes. Creio que os formadores entraram com uma injunção contra aquela associação.

Anónimo disse...

os inspectores do act andam no terreno no metro do porto,mas ainda nao vi nada feito...infelizmente isto vai passar em claro,é uma vergonha os 75 trabalhadores da bex continuarem na mesma situaçao e continuarem a sofrer pressoes por um tal barbosa e uma analfabeta chamada telma!!para que serve o act?se calhar para dar emprego a ladroes...o metro como tem capital publico,arranjam sempre maneira de aldrabar tudo e todos...votem no ps e no psd!!!

Luisa disse...

o tal de josé barbosa tem uma empresa de estafetas e vai mudando os numeros de contribuinte para não pagar o que deve a ninguém nem finanças nem empregados que despede sem justa causa e que apesar de ganharem em tribunal não podem fazer nada pois como muda o contribuinte está sempre tudo bem para ele...é o pais que temos

Anónimo disse...

a boavistaexpresso de um tal josé barbosa senhor que para fugir a dividas e nao pagar o que deve vai mudando o nome e os contribuintes das firmas despede pessoal e mesmo que eles ganhem em tribunal não paga pois muda de contribuinte. è este o Pais que temos e agora abriu mais uma firma pelos vistos para puder explorar mais 70 empregadoa

Anónimo disse...

Agora a bex bate nos funcionarios que discordam das suas decisoes...as pessoas deslocam se ao escritorio na boavista e sao agredidas por uma tal telma e alguem que esta la dentro escondido numa sala...agrediram um funcionario chamado Daniel Lopes...esta a ficar bonita a situaçao, a metro do porto n ve estas coisas ou n lhe interessa ver?neste andar apanham pessoal virado ao contrario e depois dao se grandes problemas...